Paraíba / Notícia

NA PARAÍBA: 10 mil trabalhadores são afastados das atividades por problemas de saúde; 10% por doenças psicológicas e Covid

person access_timePostado em 07/04/2021 20:19 chat_bubble_outline

O Ministério Público do Trabalho (MPT) revelou que nos últimos cinco meses, cerca de 10 mil paraibanos foram afastados das suas atividades e do trabalho por problemas de saúde. Desses, aproximadamente 10% foram afastados por doenças psicológicas e Covid-19.

Segundo dados do INSS, foram pelo menos 961 requisições de auxílio-doença na Paraíba por doenças psicológicas, aposentadoria por invalidez e auxílio-doença por acidente do trabalho, de novembro de 2020 a 26 de março deste ano (média de 6 requisições/dia).

Em um ano de pandemia, o MPT recebeu 41.729 denúncias de irregularidades relacionadas à Covid-19 no País, das quais 1.311 na Paraíba (dados de março/2020 a 29 de março/2021).



Na Paraíba, os últimos dados mostram mais de 6,2 mil notificações de acidentes de trabalho e doenças relacionadas, somente no ano de 2018, uma média de 16 casos por dia. Neste 7 de Abril, Dia Mundial da Saúde, o MPT reafirma o seu compromisso na prevenção e no combate a acidentes laborais e doenças ocupacionais, que geram prejuízos aos trabalhadores e a toda a sociedade.

Perda de 4% do PIB com doenças e acidentes do trabalho

Anualmente, segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT), a economia perde cerca de 4% do Produto Interno Bruto em razão de doenças e acidentes do trabalho, o que, além das perdas humanas, destaca a perda de produtividade causada por ambientes de trabalho inseguros ou insalubres.

 


Comentários