Paraíba / Notícia

Advogado paraibano é declarado pela Justiça do Rio de Janeiro como vencedor do leilão do Hotel Tambaú

Desembargadora acatou o recurso do advogado Rui Galdino na Justiça carioca alegando irregularidades no leilão
person access_timePostado em 19/08/2021 18:47 chat_bubble_outline

Hotel Tambaú (Foto: Divulgação)

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro reconheceu o advogado paraibano Rui Galdino como vencedor do leilão do Hotel Tambaú, em João Pessoa. A decisão monocrática da desembargadora Marília de Castro Neves Vieira acatou o recurso impetrado pelo advogado na Justiça carioca alegando irregularidades no leilão.

A ação descreve que no leilão realizado em outubro de 2020, Rui apresentou um lance na quantia de R$ 40 milhões, ficando em segundo lugar, já que a Construtora Gaspar S/A sagrou-se vencedora com um lance de R$ 40,2 milhões, porém a empresa desistiu do leilão em seguida. A princípio, o advogado havia oferecido uma quantia bem abaixo (R$ 15 milhões), mas se comprometeu com o lance de R$ 40 milhões após a empresa Hera Bank Pagamentos S/A ter oferecido a mesma quantia após o término do leilão.

A Justiça do Rio de Janeiro, em decisão monocrática, determinou a realização de um novo leilão, que ocorreu em fevereiro de 2021. Nesta ocasião, o Grupo Arnaldo Gaspar deu o lance de R$ 40,6 milhões e arrematou o hotel. Galdino, então, entrou com o recurso pedindo a anulação do leilão alegando irregularidade no processo anterior, o que foi aceito nesta terça-feira (18).



Na decisão, a desembargadora determinou que fosse “lavrado auto de arrematação em nome do Agravante, bem como sua intimação para que, no prazo máximo de dez dias, proceda ao depósito do valor referente ao sinal (25% – R$ 10.000.000,00), sendo que o saldo devedor deverá ser quitado em 12 parcelas mensais, iguais e sucessivas no valor cada de R$ 2.500.000,00 (dois milhões e quinhentos mil reais)”


Comentários