Entretenimento / Famosos

Ana Maria Braga revela que fugiu de casa por causa do pai: - Cheguei até a passar fome

person access_timePostado em 19/07/2019 13:02 chat_bubble_outline

© Fornecido por Gero Comunicação Ltda.

Ana Maria Braga participou do programa Lady Night, da Tatá Werneck, nesta quinta-feira, dia 18, e relembrou sua infância. A apresentadora contou que sua relação com o pai sempre foi difícil, já que ele era muito rígido.

Com nove anos, ele não gostava muito de criança, barulho, aí ele me botou no internato e eu fiquei por quatro anos, dos nove aos 13 [anos de idade], rezando. Aí eu tive que compensar tudo isso depois, brincou.

Ela também revelou que os problemas com o pai começaram a aumentar conforme ela foi crescendo, já que ele não queria que Ana trabalhasse. 



- Ele não queria que eu fizesse faculdade, porque ele achava que lugar de mulher é em casa. Ele queria que eu desse aula no primário, porque eu já era formada como professora. Então chegou ali e acabou, pra quê estudar mais? Tinha que casar. A partir dali eu falei: Não quero mais isso pra mim. Eu fugi de casa por conta disso.

apresentadora do Mais Você também contou que esses anos, após fugir de casa, não foram nem um pouco fáceis.

- Cheguei até a passar fome depois que deixei a família. Hoje em dia gosto da geladeira da minha casa sempre cheia. Só quem já não teve o que comer sabe o que é isso.

Ana Maria também falou sobre a relação que tem com suas fãs, e como as mulheres mudaram nos últimos anos.

O Brasil mudou e as mulheres, graças a Deus, acordaram pra um monte de coisa. Antigamente você falar em trabalhar fora de casa era uma exceção, falar de direitos das mulheres era velado, tinham vergonha. O mundo tá em uma transformação fantástica e as pessoas que assistem televisão também. 

E é claro que Ana Maria não deixaria de dar o clássico selinho em Tatá, né?

 

Durante o Lady Night, Ana também falou sobre seu primeiro beijo e como era namorar na época em que era adolescente.


Comentários