Cidades / Paraíba

Chuva alaga Curimataú e o Inmet faz alerta para 222 municípios da Paraíba

De acordo com o aviso emitido pelo órgão as áreas afetadas, na Paraíba, serão Cariri e Seridó Paraibanos, Sertao Paraibano, Agreste e Brejo Paraibanos, Litoral e Mata Paraibano.​
person access_timePostado em 05/02/2019 19:58 chat_bubble_outline

Nos últimos dias, mais de 60 municípios da Paraíba tiveram registros de chuva entre a segunda (4) e esta terça-feira (5). (Foto: Arquivo)

Cerca de 222 municípios paraibanos estão no mapa de alerta do Centro Virtual Para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos Para o Sul da América do Sul (Alert-AS) que emitiu boletim informando chuvas intensas em todo o estado. De acordo com o aviso emitido pelo órgão as áreas afetadas, na Paraíba, serão Cariri e Seridó Paraibanos, Sertao Paraibano, Agreste e Brejo Paraibanos, Litoral e Mata Paraibana.

Nos últimos dias, mais de 60 municípios da Paraíba tiveram registros de chuva entre a segunda (4) e esta terça-feira (5). De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), das 67 cidades registradas, a maior precipitação aconteceu em Nova Floresta, no Curimataú, com 181,5 mm, sendo 132% a mais do que previa a Aesa para fevereiro deste ano.

Segundo dados do relatório da Aesa, a condição de instabilidade, associada à configuração de ventos nos médios e baixos níveis da atmosfera, permanece em praticamente todo o estado. Isso gera as mudanças de temperaturas e deixa em alerta os municípios.



Veja a previsão do tempo para as regiões da Paraíba, nesta terça-feira.

 Confira a previsão climática para o mês de fevereiro clicando aqui.Segundo o documento, a estação do Verão, que combina as altas temperaturas e o alto teor de umidade presente no ar deixa o tempo com muitas nuvens e favorável à ocorrência de chuvas fortes e isoladas.

Confira as imagens no vídeo a seguir do alagamento provocado pelas fortes chuvas no município de Nova Floresta:

 

No mapa divulgado pelo Inmet, a ilustração em amarelo registra o alerta de temporais e chuvas durante esse período. 

 

Municípios onde houve registro de chuva
Nova Floresta - 181,5 mm
Cuité - 123,2 mm
São Vicente do Seridó - 85,0 mm
Ouro Velho - 49,0 mm
Catolé do Rocha - 44,3 mm
Cubati - 35,5 mm
Maturéia - 34,4 mm
Cacimbas - 32,0 mm
Pedra Lavrada - 29,5 mm
Água Branca - 28,0 mm
Salgado de São Félix - 25,7 mm
São Sebastião de Lagoa de Roça - 23,3 mm
Capim - 20,3 mm
Cajazeiras - 20,10 mm
Jericó - 20,0 mm
Monteiro - 19,6 mm
Lagoa -18,4 mm
Alhandra - 15,8 mm
João Pessoa - 15,4 mm
Junco do Seridó - 14,0 mm
Jacaraú - 13,9 mm
Ingá - 13,5 mm
Santana dos Garrotes - 13,0 mm
Coxixola - 13,0 mm
Coremas - 12,6 mm
Nova Palmeira - 12,3 mm
Serra Redonda - 12,2 mm
São Vicente do Seridó - 11,6 mm
Tavares - 10,8 mm
Cruz do Espírito Santo - 10,6 mm
Pilar- 10,5 mm
Arara - 9,9 mm
Caraúbas - 9,8 mm
Sossêgo - 9,3 mm
Gurjão - 9,1 mm
Santa Teresinha - 9,0 mm
Poço Dantas - 8,3 mm
Areia de Baraúnas - 8,3 mm
Soledade - 7,5 mm
Borborema - 7,2 mm
Esperança - 7,1 mm
São Miguel de Taipu - 6,6 mm
Serra da Raiz - 6,4 mm
Bom Jesus - 6,2 mm
Boa Vista - 5,8 mm
Aguiar - 5,1 mm
Patos - 5,1 mm
Pombal - 4,7 mm
Mari - 4,6 mm
Santa Luzia - 4,2 mm
Vieirópolis - 3,8 mm
Bom Sucesso - 3,4 mm
Caldas Brandão - 3,3 mm
Riachão do Bacamarte - 3,2 mm
Cajazeiras - 3,1 mm
Condado - 3,0 mm
Juru - 2,4 mm
Pedra Branca - 2,3 mm
Puxinanã - 1,8 mm
Baía da Traição - 1,8 mm
Cacimba de Dentro - 1,7 mm
Ibiara - 1,4 mm
Princesa Isabel - 1,4 mm
Fagundes - 1,3 mm
São Sebastião do Umbuzeiro - 1,2 mm
Campina Grande - 1,0 mm
Alagoa Nova - 0,3 mm


Comentários