Araruna / Política

Oposição de Araruna já soma três pré-candidaturas a prefeito; veja

person access_timePostado em 19/01/2020 13:51 chat_bubble_outline

Caio Ludgerio e aliados da oposição (Foto: Divulgação)

Com a frase “se for da vontade de Deus e do povo, serei candidato a prefeito de Araruna”, o ex-deputado Benjamin Maranhão lançou no último dia 05 de janeiro a pré-candidatura a prefeito de Araruna em 2020.

Mas o que realmente desejou expressar com essa frase o ex-prefeito de Araruna? Quatorze dias depois do anúncio, nenhuma nova demonstração pública de interesse do ex-deputado em abraçar o projeto que não é apenas do MDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro), mas de vários partidos de oposição.  

Para piorar a "ausência do ex-deputado", o vereador Caio Ludgério (PSD), anunciou na noite de sábado (18), que o Partido Social Democrático (PSD) terá candidatura majoritária em 2020. Muitos acreditam que é blefe do vereador para compor a chapa do MDB. 



Além destas, Gilson do Conjunto, ainda sem sigla, lançou sua pré-candidatura a prefeito de Araruna.

No próximo dia 27 de janeiro, o MDB precisa realizar sua convenção municipal para poder concorrer as eleições deste ano. Até o momento, nenhuma movimentação foi registrada. 

Por fora, em um silêncio estarrecedor, o pré-candidato à reeleição, prefeito Vital Costa acompanha as dificuldades de união entre seus opositores. 

Teria a oposição um plano B para uma possível saída de cena do Benjamin Maranhão, ou o ex-deputado federal e ex-prefeito de Araruna espera a hora certa para dar o ponta pé inicial? 


Comentários